Temos um espírito de poder, amor e moderação – Parte 2 Texto : 2ª Timóteo 1:7-8

O contexto da escrita se deu no primeiro século, durante a perseguição à Igreja de Jesus que tirou os apóstolos da zona de conforto em que estavam em Jerusalém e os espalhou pelo mundo conhecido da época.

Timóteo foi conquistado para Jesus por Paulo, que o adotou como um discípulo. Ele era filho de uma mãe judia cristã e de pai grego. Eunice e Loide, mãe e avó de Timóteo, respectivamente, foram citadas como exemplos de fé e ele foi elogiado por Paulo pelo conhecimento das Escrituras, o que é clara indicação de que Timóteo foi criado no zelo e no temor do Senhor, mas agora os tempos eram difíceis, os cristãos estavam sendo perseguidos pelo Império Romano e pelos sacerdotes judeus, uma parceria que vitimou muitas vidas.

Diante disso Paulo exorta Timóteo que não se acovarde, que não tema a perseguição, que não fique com medo de perder sua vida e diz que espírito de covardia não rima com servo de Deus, que nos deu três espíritos que são opostos a covardia: poder, amor e moderação. Nesta ordem mesmo.

  1. O espírito de poder nos fortalece para a Obra de Deus (é aquilo que nos torna potencialmente perigosos para o inferno).
  2. O espírito de amor nos ensina de quem somos, nos faz amar mesmo as pessoas que nos querem mal, porque o amor vem de Deus.
  3. O espírito de moderação nos dá equilíbrio para não vivermos uma vida constante.

 

2 – ELE NOS DEU UM ESPÍRITO DE AMOR

 

“Aquele que não ama, não conhece a Deus, pois Deus é amor”. I João 4.8

 

O amor não é apenas um sentimento. Não é uma emoção passageira. Nem palavras bonitas.

Na verdade o amor é uma pessoa: Deus. As características do amor verdadeiro não são humanas e sim Divinas. A maior prova de amor foi Jesus se entregar por nós na cruz (Romanos 5.8). Sem a presença de Deus não é possível amar.

 

I João 4.7 “Amados, amemo-nos uns aos outros, porque o amor é de Deus; e todo o que ama é nascido de Deus e conhece a Deus”.

 

O AMOR SE REVELA POR MEIO DE ALGUMAS CARACTERÍSTICAS:

 

1.1 – ABERTURA PARA RECEBER O OUTRO é a primeira característica do verdadeiro amor.

  • Quem ama aceita o seu próximo como é e não o recrimina, mas perdoa e acolhe. Receber não significa concordar com os erros (I Coríntios 6) e sim mostrar que a força do amor é muito maior que os problemas, pois “o amor cobre multidão de pecados”(I Pedro 4.10).

 

1.2 – O AMOR NOS FAZ CRESCER

 

I João 4.9,10 “Nisto se manifestou o amor de Deus para conosco: em que Deus enviou seu Filho unigênito ao mundo, para que por meio dele vivamos. Nisto está o amor: não em que nós tenhamos amado a Deus, mas em que ele nos amou a nós, e enviou seu Filho como propiciação pelos nossos pecados”.

 

A PROPICIAÇÃO PELOS NOSSOS PECADOS SE DEU NA CRUZ

 

  1. Ao enfrentar a cruz, Jesus CRESCEU em AMOR.
  2. Ao CRESCER em AMOR Jesus CRESCEU na vontade do Pai. (João 17.1-26).

 

– Veja: nem sempre quem está passando por crises e problemas está enfrentando o diabo em seus ataques;

 

– para crescermos passamos por dores, mas o melhor antídoto contra as dores é o amor.

 

ME RESPONDA:

1 – porque a maior parte dos nossos sonhos morrem?

  • porque deixamos de amá-los;

 

2 – porque muitas células morrem?

  • porque deixamos de amar o que jesus amou;

 

3 – porque muitos casamentos morrem?

  • porque deixaram de amar;

 

4 – porque não rompemos profissionalmente?

  • porque não amamos o que fazemos;

MARCAS DO AMOR EM NÓS:

  1. a) Persistência:

I João 4.16 “E nós conhecemos, e cremos no amor que Deus nos tem. Deus é amor; e quem permanece em amor, permanece em Deus, e Deus nele”.

Quem ama consegue perseverar porque sabe que o amor não se acaba.

  1. b) Confiança:

I João 4.17 “Nisto é aperfeiçoado em nós o amor, para que no dia do juízo tenhamos confiança; porque, qual ele é, somos também nós neste mundo”.

O amor traz confiança ao coração que se torna esperançoso e sonhador com um futuro melhor.

  1. c) Não ter medo:

I João 4.18 “No amor não há medo antes o perfeito amor lança fora o medo; porque o medo envolve castigo; e quem tem medo não está aperfeiçoado no amor”.

O amor maduro não tem medo e sim coragem de enfrentar as dificuldades.

 

ESCUTE: TUDO A QUE VOCÊ SE DEDICA PERSISTENTEMENTE, QUE VOCÊ CONFIA PROFUNDAMENTE, E TUDO EM QUE NÃO HÁ MEDO – É O QUE VOCÊ AMA.

 

O QUE TENDES AMADO VERDADEIRAMENTE?

3- AMOR É UMA QUESTÃO DE OBEDIÊNCIA:

I João 4.11 Amados, se Deus assim nos amou, nós também devemos amar-nos uns aos outros”.

  • O maior desafio do amor é amar quem não nos ama.
  • Jesus nos amou antes mesmo de o conhecermos. Por isso nos mandou amar até mesmo nossos inimigos (Mateus 5.44).
  • Por isso o amor não é apenas um sentimento. Se fosse uma emoção, na hora da raiva se perderia.
  • O verdadeiro amor passa por crises, mas no fim aprende a obedecer a Deus. Por isso somos testados o tempo todo até onde suportamos amar o nosso próximo.

I João 4.21 “E dele temos este mandamento, que quem ama a Deus ame também a seu irmão”.

  • Mas o que significa este amor por obediência? É fazer o que Jesus fez e ordenou não somente quando sentimos vontade e sim pela fé de que é o melhor. Mas isso não seria fingimento ou hipocrisia religiosa? Não, se você for sincero com Deus reconhecendo suas dificuldades, mas se rendendo ao que o Senhor nos manda fazer, que é amar.

 

“Certa vez, um argentário banqueiro foi visitar a casa onde Madre Tereza cuidava dos enfermos e ficou observando a dedicação, o cuidado e o carinho dela para com todos. Depois de algum tempo, ele aproximou-se de Madre Tereza, que fazia um curativo em um homem muito doente, e disse:

– Irmã, eu não faria isso por dinheiro nenhum do mundo!

Ela olhou para ele, sorriu em silêncio, e falou baixinho: – Nem eu, meu filho, mas faço por amor”.

 

2 – ELE NOS DEU UM ESPÍRITO DE MODERAÇÃO

 

Moderação é a característica de quem age sem cometer excessos, que evita exageros em suas reações, que demonstra prudência.

Moderação é a virtude de permanecer na exata medida.

Uma pessoa moderada é uma pessoa prudente.

Para quê serve a moderação? Para equilibrar poder e amor. Nem tanto ao mar e nem tanto a terra.

O espírito de moderação nos ensina a TER UMA VIDA EQUILIBRADA NOS SENTIMENTOS, NOS DONS, NO RELACIONAMENTO, NAS FINANÇAS, NOS NEGÓCIOS, NO LAR etc…

 

Sabe qual é o caminho da moderação ensinado por Jesus?

MATEUS 10:16 – eis que vos envio como ovelhas ao meio de lobos. Portanto, sede prudentes como as serpentes e símplices como as pombas”.

 

Nos exorta a sermos “prudentes como as serpentes e simples como as pombas”.

O que significa sermos “prudentes como as serpentes?”.  

Por prudência as serpentes vivem em alerta discernindo bem o perigo ainda. As serpentes preparam o ataque, são astutas, se defendem, na hora certa.

“Jesus nos ensina a sermos prudentes sabendo que há tempo certo de atacar, de se defender e até mesmo de recuar. “No meio dos lobos” precisamos defender nossos direitos, nossa fé.  Jesus foi exemplo de prudência em todas as situações: diante das injúrias, diante de Pilatos, na tentação, Ele não se antecipou, não se arrependeu de nada que fez. Em todas as suas ações Ele era prudente e símplice”.

Sermos símplices como a pomba significa que para ser discípulo de Jesus, precisamos valorizar acima de tudo o amor, a pureza, a bondade, a paz; como fruto da presença de Jesus em nós.

É valorizar a simplicidade do evangelho da graça de Deus que salva e transforma o ser humano. Paulo tinha esta preocupação: “Mas receio que, assim como a serpente enganou a Eva com a sua astúcia, assim também seja corrompida a vossa mente e se aparte da simplicidade e pureza devidas a Cristo.” (2 Coríntios 11.3)

“A esperteza e inteligência da serpente aliadas com a bondade e humildade que a pomba representa, nos transforma em um cristão de poder e sabedoria agradáveis a Deus. O senso crítico da serpente com a tolerância da pomba ajudam-nos a termos equilíbrio, moderação”.

Deixaremos de ser atribulados, QUANDO ENTENDERMOS QUE DEVEMOS FICAR NA EXATA MEDIDA, NÃO EXTRAPOLANDO O LIMITE DE TEMPO, DINHEIRO, ENERGIA, PRAZERES DA VIDA… Deus nos deu um Espírito de moderação para que tenhamos passos firmes!

 

MUITAS PESSOAS POR SEREM AFOBADAS, DESCONTROLADAS, METEM OS PÉS PELAS MÃOS E ACABAM PERDENDO A BENÇÃO E MUITAS VEZES ATÉ A COMUNHÃO COM DEUS.

 

 “Pois a vossa obediência é conhecida de todos. Comprazo-me, portanto, em vós; e quero que sejais sábios para o bem, mas simples para o mal.” (Romanos 16:19)

 

AVISOS DA SEMANA:

  1. NÃO SE ESQUEÇA: O TREINAMENTO DE LÍDERES, A CLASSE DE INTEGRAÇÃO E O CURSO DE NOIVOS ESTÃO ACONTECENDO A TODO VAPOR;
  2. DIA: 30 para 1º de Maio – VIGÍLIA DO PODER – ÀS 20H59.

SE DESEJARES FALAR COM O PASTOR É SÓ MARCAR – ELE ATENDE TODOS OS DOMINGOS O DIA TODO – MARCAÇÃO: 994239449